Buscar
  • Claudia Vilas Boas

Solte

Continuando nossa jornada lúdica, deixei para falar sobre uma brincadeira de forma mais estendida, por ela estar muito presente em nossa vida: o cabo de guerra.

Vivemos em um mundo de dualidades, no qual nos vemos constantemente disputando e nos dividindo em polos opostos. Bem e mal, medo e confiança, desespero e esperança, dor e alegria, luz e sombras, entre outras infinitas possibilidades.

O que essa atitude nos traz? Dores, feridas, cansaço, desgaste.

Não seria melhor apenas…soltar?

Não precisamos vencer todas as batalhas. Aliás, nesse caso muitas vezes a vitória está em sair do jogo.

Quando a corda estava muito esticada e um dos lados soltava, o que acontecia?

O outro lado despencava.

Em alguns casos o melhor é não insistir em esticar a corda, ela pode romper e o tombo será inevitável.

Solte a corda, descanse, reflita e mude o jogo.

Transforme a disputa em partilha.

Acolha e abrace o que está causando a resistência.

Pegue a corda que tanto te machuca e a transforme em laço.

Faça com ela um balanço, a rédea do seu cavalo imaginário, brinque de pular corda ou o que sua imaginação puder criar.

Transforme a disputa em união e aprendizado.

Muitas vezes diante de situações difíceis em nossas vidas, ficamos segurando a corda, nos machucando e esticando ao máximo. Dessa forma, não conseguimos encontrar saídas e alternativas. Precisamos soltar e observar.

Aliás, no Ho’oponopono, que é uma técnica havaiana antiga, dos kahunas, que enfoca a paz interior, o amor, o perdão, a gratidão e a cura de mágoas ou outros sentimentos negativos, absorvemos o fato que está nos atormentando, assumimos a responsabilidade, purificamos essas memórias e soltamos.

Soltamos a negatividade para podermos receber a positividade.

Não há como nos preenchermos de luz, enquanto não soltarmos as sombras.

Eis mais um aprendizado de nossa infância: nem sempre quem se divertia mais, era quem esticava a corda, muitas vezes era justamente aqueles que a soltavam.

Então, coragem, vamos lá…solte a corda e deixe fluir o riso, os pensamentos, a leveza, enfim…a sua vida.

#pracegover #pratodosverem imagem de várias crianças segurando uma corda, brincando de cabo de guerra. Ao fundo um lindo pôr de sol, sob um céu azul, com muitas nuvens.



14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tropeços