Buscar
  • Claudia Vilas Boas

Sobre a mentira

Atualizado: Abr 11

O bom de se ter transparência é que a verdade é uma só, enquanto a mentira tem várias facetas, o que acarreta um efeito bola de neve. E, a não ser que a pessoa seja um psicopata, em algum momento a consciência irá traí-la e ela acabará por cometer um ato falho.

Tudo na vida tem consequências, todos os atos. Contudo, mesmo um ato errado, se pautado pela verdade terá a possibilidade de alguma reparação.

Mas a mentira destrói qualquer benevolência.

As perdas podem ser irreparáveis. Será que vale a pena?

E o quanto se estaria disposto a arriscar?

Talvez uma carreira, um amor e até uma vida?

A Mentira traz consigo muitos riscos. Sempre resulta em perdas.

A quem a prática principalmente. Perde-se a paz, a naturalidade no agir, uma vez que sustentar uma mentira é custoso, exige um estado de alerta em tempo integral.

A mentira tem um efeito devastador, por menor que seja é capaz de destruir toda uma história construída de verdades. Tem um provérbio que ilustra bem isso: uma mentira destrói mil verdades.

Mesmo que se perdoe, a confiança nunca será restabelecida como antes.

Enfrentar as consequências das nossas verdades expostas nos faz mais fortes, nos forja o caráter, enquanto se esconder por trás de mentiras é um ato de covardia.

Vou citar aqui uma frase do livro O Caçador de Pipas de Khaled Rosseini, por sinal um dos livros mais tristes que já li. “Existe apenas um pecado, um só. E esse pecado é roubar. Qualquer outro é simplesmente a variação do roubo. Quando você mata um homem, está roubando uma vida, está roubando da esposa o direito de ter um marido, roubando dos filhos o direito de ter um pai. Quando você mente, está roubando de alguém o direito de saber a verdade. Quando você trapaceia, está roubando o direito à justiça. Entende? Não há ato mais infame que roubar.”

Essa frase sobre a mentira me marcou tanto que nunca mais a esqueci. E para mim resume muito bem o mal que cada mentira pode causar.

Por mais bem-intencionado que se esteja a mentira nunca será a melhor escolha, a verdade é o caminho e um direito a ser respeitado.

Dizem que muitas vezes a verdade machuca, mas ainda assim os danos serão imensamente menores do que os que a mentira pode causar quando revelada. E lidar com a dor e o quanto vai se permitir doer faz parte das nossas escolhas, e é uma decisão individual.

A mentira aprisiona em uma cela cuja chave, a verdade, se encontra à disposição na fechadura, basta acioná-la para libertar-se.

Deveríamos sempre tentar construir nossas histórias, nossa trajetória na vida, com bases sólidas. Pois é muito melhor uma pequena casa de concreto do que um lindo castelo feito de areia.

#pracegover imagem de uma mão segurando um castelo de areia que está se desmanchando


31 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tropeços