Buscar
  • Claudia Vilas Boas

Sintonia

Atualizado: 30 de Out de 2019

O que você tem atraído para sua vida?

Às vezes nos pegamos reclamando de situações não muito positivas que se repetem. Muitas vezes ouvimos pessoas dizendo que têm “dedo podre”, principalmente se referindo a relacionamentos, que sempre trazem sofrimento. Que sempre têm o azar de se relacionarem com pessoas erradas.

Mas será mesmo azar?

Muitas vezes nos boicotamos por não nos sentirmos merecedores de situações melhores, de pessoas melhores, enfim, de uma vida melhor, e com isso acabamos atraindo para nossa vida tudo o que está nessa sintonia baixa, de baixa auto estima, de negatividade e pessimismo.

Como sair desses círculos viciosos?

A única forma é parar de buscar fora o que ainda não encontramos dentro de nós mesmos.

É chegada a hora de arregaçar as mangas e fazer uma verdadeira faxina na alma, parar de acumular detritos emocionais, porque em algum momento isso tudo vai começar a transbordar e muitas vezes de forma desastrosa. Assim como em uma casa, em que vai se acumulando sujeira, jogando tudo para debaixo dos móveis e tapetes, por um tempo podemos fingir que tudo está em ordem, mas com o passar do tempo essa situação vai se tornar insalubre e insustentável, vai atrair bichos, doenças, mau cheiro. E a faxina vai ser inevitável. Vai ser cansativo, demorado, dolorido, mas necessário. Revirar tudo, tirar tudo do lugar, explorar cada cantinho. E o que se ganha com isso?

Ao final a sensação é simplesmente incrível. Mesmo cansados e doloridos, não há nada melhor do que se livrar do lixo e da bagunça e deixar tudo mais leve, mais limpo, livre de obstáculos. E assim como em uma casa limpa e cheirosa, vamos sentir o prazer de habitar nosso próprio corpo e desfrutar da nossa companhia. E nossa energia muda, nossa sintonia muda. Uma casa limpa não atrai moscas, baratas e ratos. Uma alma em paz e feliz não atrai pessoas tóxicas.

Esse é o momento, então, de se jogar no sofá, na cama, no mundo... e curtir a delícia de ter transformado sua vida em algo melhor. De ter se livrado de todo tipo de sujeira, desculpas e dissimulações. Já não há mais nada a esconder, porque passamos a gostar do que somos. E como uma antena nossa nova frequência vai atrair o que estiver na mesma sintonia. Os ciclos foram quebrados, agora nossos caminhos ficaram mais claros e nossos passos mais leves. E aí vem a melhor parte, aproveitar o passeio e apreciar cada paisagem desta nossa viagem pessoal chamada vida.

#pracegover imagem de uma mão segurando uma esponja e no centro da esponja tem um coração de espuma.



71 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Limões

Distopia

Milagre