Buscar
  • Claudia Vilas Boas

A sua Régua

Várias vezes escuto pessoas citando a expressão “medir o outro pela própria régua”. Na maioria das vezes de forma pejorativa. Fulano não confia em ninguém porque mede todos pela própria régua, referindo-se a uma pessoa desonesta ou mentirosa.

Contudo, a maior parte das decepções também acontece por esse mesmo motivo. Pessoas boas demais nunca esperam atitudes ruins dos outros, confiam muito, se entregam, mergulham de cabeça, pois não esperam atitudes das quais não seriam capazes. Não enxergam o mal no outro. Usam sua régua para medir o bem.

Cada régua é única e exclusivamente nossa, para as nossas medidas individuais.

A vida não tem nada de lógico e matemático. Nem sempre um mais um, será dois. Muitas vezes poderá resultar em dezenas e em outras não apresentar resultado algum. Simplesmente zerar. Ou até mesmo negativar.

Duas pessoa unidas com um propósito podem trazer resultados imensuráveis. Enquanto dez pessoas reunidas sem qualquer ligação, vínculo ou afinidade são o mesmo que nada.

Por exemplo, dois cientistas reunidos com o propósito de achar a cura para uma determinada doença, podem salvar muitas vidas. Seria mais ou menos assim a equação: 1c + 1c = 100v ou 1000v ou até 1.000.000v.

Na vida de cada ser humano existem inúmeras, infinitas variáveis, que irão definir os resultados.

Escolhas, oportunidades, atitudes, pensamentos e principalmente sentimentos.

Portanto, medir o outro pela própria régua é uma tentativa inócua de controle. Sim, controle. Pois quando transferimos ao outro nossas expectativas e julgamentos, estando tentando de uma certa forma prever os resultados. Isso é impossível.

Uma vez que, por mais previsíveis que algumas pessoas possam parecer, isso pode mudar de uma hora para outra.

Nossa régua, tem nossos valores, sentimentos e uma infinidade de variáveis, e é importante que nos mantenhamos dentro do que nos traz paz e conforto. A régua do outro nunca poderá medir nossa individualidade. Para alguns poderemos parecer loucos, para outros sábios, para outros arrogantes, ignorantes, inteligentes. E provavelmente dificilmente alguém terá a exata medida do que realmente somos.

A matemática da vida não tem nada de exata, o resultado de cada equação dependerá da fórmula escolhida e aplicada, e as possibilidades são infinitas.

#pracegover imagem de um quadro negro com uma equação escrita em giz: yes sobre no igual a life.


18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tropeços